Portuguese English Spanish
Segunda, 04 Dezembro 2017 09:10

Espetáculo de dança “Alice no País das Maravilhas”

Espetáculo de dança “Alice no País das Maravilhas” crédito Alinne Volpato

FABRICIO CALLABARI BALLET STUDIO APRESENTA “ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS”

 

Espetáculo de dança reúne elenco de quase 90 artistas no Teatro Governador Pedro Ivo

 

     O Fabricio Callabari Ballet Studio apresenta nos dias 7 e 8 de dezembro, às 20h30, no Teatro Governador Pedro Ivo, em Florianópolis, o espetáculo de dança “Alice no País das Maravilhas”. A montagem que encerra as atividades do ano na escola narra com passos de balé e jazz o clássico da literatura infantojuvenil escrito em 1865 pelo inglês Lewis Carroll e que ganhou inúmeras versões para teatro, TV e cinema.

     Em 90 minutos, 87 bailarinos de diferentes faixas etárias e um ator contarão a história da menina que cai na toca de um coelho e é transportada para um lugar repleto de criaturas fantásticas e situações absurdas, como nos sonhos. Neste desconhecido ambiente, ela vive episódios tensos e engraçados, como o tamanho do seu corpo, que se agiganta e miniaturiza. Alice é conduzida na aventura por personagens como o Chapeleiro Maluco, o Coelho do Tempo, as rainhas Vermelha e Branca, o Valete de Copas, a lagarta Absolem, o Gato Risonho e os gêmeos Tweedledee e Tweedledum.

     As poltronas não são numeradas e as entradas disponíveis nas bilheterias dos teatros Ademir Rosa, Álvaro de Carvalho e Governador Pedro Ivo custam R$ 70 e R$ 35 (meia). Já a compra antecipada no valor único promocional de R$ 35 pode ser feita até o dia 6 junto aos alunos ou no próprio FCBS, na Rua Manoel Severino de Oliveira, n° 395, na Lagoa da Conceição.

     “Alice no País das Maravilhas” tem apoio da Secretaria de Estado da Administração e da Fundação Catarinense de Cultura (FCC).

 

Siga o coelho

     Para adaptar este que é o seu quinto espetáculo de dança, o professor e coreógrafo Fabricio Callabari recorreu à memória em busca das referências do livro de Carroll que havia lido há anos e da animação da Disney assistida uma vez. Além disso, viu o filme live-action de Tim Burton lançado em 2010 cerca de 10 vezes. “É uma história bastante complexa, foi preciso algumas adaptações. Eu me preocupei em tirar as partes mais surrealistas e violentas para facilitar a compreensão do público”.

     Das 26 coreografias que compõem o roteiro, 22 são assinadas pelo próprio diretor, sendo as demais criadas pelo bailarino Luiz Prada, que encarna o Chapeleiro Maluco. Fabricio concebeu ainda os cerca de 160 figurinos, confeccionados por Solange Ferreira da Silva com quase 200 quilos de tecidos trazidos de São Paulo, de onde também vieram todos os adereços e acessórios. No guarda-roupa primoroso haverá inovações, como tuttus de bailarinas no formato de naipes e cartas de baralho, totalmente fora do convencional.

     Os cenários da artista plástica Monica Stoelzle e do carnavalesco Paulinho Trindade são divididos em três atos: “País das Maravilhas”, composto de cogumelos gigantes e flores de papel produzidas manualmente; “Reino da Rainha Vermelha”, carregado de corações gigantescos e balões vermelhos sobrevoando o palco; e “Reino da Rainha Branca”, que ganha suavidade  e atmosfera celestial com uma cortina de espelho e luzes direcionadas de baixo para cima.

     As produções de Fabricio sempre trazem algum momento de ilusionismo obtido por efeitos especiais de luz e fumaça. Desta vez, a mágica será mostrar o Gato Risonho em suas diferentes formas de aparecer na trama, inteiro ou aos pedaços, mas sempre levitando. “Alice é uma história menos romântica e mais ousada, o que me deu muita liberdade de criação. Coloquei vários elementos diferentes em cima do palco, como figurinos mais elaborados e cenários mais divertidos. As caracterizações dos personagens estão muito ricas e bem fiéis ao tema. Creio que irá surpreender o público”, explica Fabricio.

 

 

Ficha técnica

> Concepção, produção e direção: Fabricio Callabari

> Coreografia: Fabricio Callabari e Luiz Prada

> Personagens: Isabela Lueders Espírito Santo (Alice), Luiz Prada (Chapeleiro Maluco), Luciana Mozzini (Rainha Vermelha), Bruna Chiaradia (Rainha Branca), Marina Arruda (Absolem), Mariah d’Ávila (Coelho do Tempo), Fabricio Callabari (Valete de Copas), Bruna Costa e Katia Seadi (gêmeos Tweedledee e Tweedledum)

> Figurino: Fabricio Callabari e Solange Ferreira da Silva (confecção)

> Maquiagem: Júlia Ávila

> Cenografia e adereços: Monica Stoelzle e Paulinho Trindade

> Iluminação e apoio técnico: Leonardo Nascimento e Lucimar Schurhaus

> Fotografia: Alinne Volpato

> Realização: Fabricio Callabari Ballet Studio

> Duração: 90 minutos

> Recomendação etária: livre

 

 

Serviço

*O quê: espetáculo de dança “Alice no País das Maravilhas”

*Quem: Fabricio Callabari Ballet Studio

*Quando: 7 e 8/12, 20h30

*Onde: Teatro Governador Pedro Ivo, Florianópolis

*Quanto: R$ 70 e R$ 35 (meia e ingresso antecipado)

*Vendas: bilheterias dos teatros Ademir Rosa, Álvaro de Carvalho e Governador Pedro Ivo, FCBS e alunos da escola.

*Informações: (48) 3304-3605 ou no www.facebook.com/fcballetstudio

 

 

Deixe um comentário

Receba nossas atualizações e notícas

Todos os direitos reservados Portal Cultura Alternativa. Site por Alvetti.com