Welcome to Cultura Alternativa   Click to listen highlighted text! Welcome to Cultura Alternativa
All for Joomla All for Webmasters

As melhores músicas de Miles Davis.

Miles Davis

As melhores músicas da lenda do Jazz Miles Davis selecionado pelo jornal britânico “The Guardian”

A seleção foi realizada por Angus Batey, jornalista e um dos maiores críticos de música do mundo.

Entre as canções escolhidas estão grandes sucessos dos anos 1950 a 70. A primeira colocada é “Venus de Milo” (1957), seguida de “Générique” (1958), que marcaram o início da carreira profissional de Davis.

No entanto, músicas do auge da fama do trompetista também foram lembradas, como “Miles Runs the Voodoo Down” (1970) e “Right Off” (1971).

Miles Davis é considerado um dos compositores e trompetistas mais influentes e aclamados do século 20. Ele permaneceu na vanguarda do Jazz entre os anos 1940 e meados de 1970, com seu estilo melódico único.

Nascido em Illinois, em 1926, Davis se mudou para Nova York aos 18 anos para estudar música. Na Big Apple, ele começou a tocar com Coleman Hawkins, e depois com Charlie Parker.

Em 1948, o trompetista formou seu próprio noneto, que resultou no álbum “Birth of the Cool”. Apesar do sucesso, ele deixou a banda para se apresentar no Paris Jazz Festival.

Entre os anos 1950 e 1960, Miles formou um quinteto, e em seguida um sexteto, com o saxofonista John Coltrane, gravando os álbuns aclamados pela crítica: “Milestones”(1958) e “Kind of Blue”(1959).

Porém, o primeiro disco a se consolidar em popularidade, com mais de 1 milhão de cópias vendidas, foi “Bitches Brew”, em 1969.

À época, Davis se aventurava com um novo quinteto experimental, formado por Herbie Hancock (piano), Wayne Shorter (saxes tenor e soprano), Ron Carter (baixo) e Tony Willians (bateria).

 

Venus de Milo (1957)

Générique (1958)

So What (1958)

Concierto de Aranjuez (Adagio) (1960)

Yesterdays (1951)

Freedom Jazz Dance (Evolution of the Groove) (1967)

In a Silent Way (1969)

plusone_0">
Click to listen highlighted text!