Welcome to Cultura Alternativa   Click to listen highlighted text! Welcome to Cultura Alternativa
All for Joomla All for Webmasters

Baterista une jazz a ritmos africanos

Carlos Ezequiel

Passeando pelo jazz contemporâneo, ritmos africanos e indianos e também pela música brasileira moderna, o baterista alagoano Carlos Ezequiel acaba de lançar o álbum “Circular”.

Cd que conta com as participações do saxofonista Americano David Binney e do guitarrista norueguês Lage Lund, além dos brasileiros Gustavo Bugni (piano) e Gui Duvignau (contrabaixo).

O título do lançamento, “Circular”, faz menção a polirritmia circular da música africana e suas ramificações no Brasil. No cd, a ideia foi combinar as sonoridades particulares de cada convidado – unindo a personalidade calma de Lage e o conjunto visceral de  Binney -, ao trabalho de Carlos Ezequiel Trio – este último com Gustavo Bugni e Gui Duvignau.

O repertório do novo álbum é formado pelas canções “Quando não Houver Saudade” (Carlos Ezequiel), “Você me Colcheia” (Carlos Ezequiel), “Novos Ares” (Gustavo Bugni), “Circular” (Carlos Ezequiel), “Treze Leras” (Carlos Ezequiel e Lupa Santiago), “Laio” (Gustavo Bugni), “Flux Aeterna” (Gustavo Bugni) e “Forró da Sexta-feira 13” (Carlos Ezequiel).

O baterista lançou seu primeiro cd, “Images” (2002), com o guitarrista Lupa Santiago e teve o trabalho indicado ao Grammy Latino do ano. Na companhia de Lupa, Carlos também integra o grupo Sinequanon, com quem já lançou “Sinequanon” (2004), “Telescópio” (2006), “Horizonte Artificial” (2008) e “Ao Vivo no Jazz nos Fundos” (2016).

Como produtor musical, Carlos Ezequiel produziu o cd “A Saga da Travessia” (Letieres Leite & Orkestra Rumpilezz), que foi contemplado com três Prêmios da Música Brasileira em 2017. E também tocou e produziu o novo álbum do percussionista Airto Moreira (“Aluê” – Selo Sesc, 2017).

O baterista, que também integra o grupo do contrabaixista Sizão Machado, ainda trabalha com o artista  finlandês Pekka Pylkkanen (com quem esteve no Copenhagen Jazz Festival, no Hong Kong Jazz Festival, e fez três turnês no Japão); e com o irlandês Ronan Guilfoyle (com quem fez turnês na Índia e no Japão). Carlos também gravou o cd “Copenhagen Sao Paulo”, com os dinamarqueses Thomas Walbum e Thomas Maintz, que teve turnê de lançamento na Europa. O baterista também já passou pela Coreia do Sul, Finlândia, Irlanda, Suíça, França e Holanda.

Confira “Circular”:

Click to listen highlighted text!