All for Joomla All for Webmasters

Certificado para viagens de animais aos EUA agora é digital

Certificado para viagens de animais

Certificado para viagens de animais aos EUA agora é digital

Com a nova plataforma, o gasto individual para solicitar e receber a autorização passa de R$ 1,5 mil para R$ 956

 

Certificado para viagens de animais

O trânsito de cães e gatos entre países exige documento emitido pela autoridade veterinária do país de origem e aceito pelos países de destino que ateste as condições e o histórico de saúde do animal de estimação, bem como o atendimento às exigências sanitárias do país de destino.

No Brasil, o documento utilizado para essa finalidade é o CVI (Certificado Veterinário Internacional), que é expedido por Auditores Fiscais Federais Agropecuários – Médicos Veterinários – das unidades de Vigilância Agropecuária Internacional (Vigiagro), vinculadas à Secretaria de Defesa Agropecuária (SDA) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

A emissão do Certificado Veterinário Internacional (CVI) para viagens com cães e gatos aos Estados Unidos agora é totalmente digital.

O resultado é uma economia para o cidadão e para os cofres públicos: antes, o usuário gastava cerca de R$ 1,5 mil com a solicitação, serviços veterinários (vacinas e testes nos animais), entrega de documentação e retirada da autorização. O processo todo digitalizado deve custar menos de R$ 1 mil.

Clique aqui para saber como emitir o CVI

Quando houver acordo com todos os países, a economia para o setor público com o serviço será de R$ 13,5 milhões por ano, com queda de 86% em relação à despesa atual e, para os usuários, de R$ 5,2 milhões por ano (redução de 48% nos gastos), segundo estimativa do Ministério do Planejamento, que desenvolveu a plataforma.

Os próximos acordos previstos são com os países do Mercosul e com a União Europeia. O governo investiu R$ 467 mil no projeto e prevê retorno em 13 dias de funcionamento do sistema.

Interesse do cidadão

As normas para o trânsito de animais de estimação estão entre os serviços mais acessados no site do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa): cerca de 10 mil pessoas solicitaram o CVI anualmente.

Para atender a esse tipo de demanda, é necessário que sejam mantidos 215 profissionais, sendo 194 veterinários, nas 80 unidades da vigilância agropecuária internacional, o Vigiagro, nos aeroportos, portos e postos de fronteira.

Com a digitalização, serão necessários apenas 28 veterinários em dez unidades de atendimento.

Fonte: Ministério da Agricultura

 

Vai sair de férias? Dicas para viajar com o Pet

A RELAÇÃO HOMEM – ANIMAIS – Artigo de José Jabre Baroud