Welcome to Cultura Alternativa   Click to listen highlighted text! Welcome to Cultura Alternativa
All for Joomla All for Webmasters

Conheça as coisas mais sujas em um quarto de hotel.

hotelBlue Tree Hotels Valinhos

Depois de passar longas horas no avião, tudo o que você mais quer é chegar logo ao hotel e tomar um bom banho.

Mas cuidado, você pode estra entrando num verdadeiro parque de diversões de germes e bactérias.

Um estudo feito pela Universidade de Houston, nos Estados Unidos, mostra que um quarto de hotel é mais sujo do que a sua casa, a escola ou até mesmo um avião.

Engana-se quem pensa que é só o vaso sanitário e a pia do banheiro que concentram grande quantidade de procurando bactérias e coliformes fecais.

De acordo com a pesquisa feita em estabelecimentos nos Estados do Texas, Indiana e Carolina do Sul, o controle remoto e o interruptor do abajur, que fica ao lado da cama, concentram altos níveis de contaminação bacteriana.

As cafeteiras e chaleiras elétricas que ficam no quarto, bem como os copos, também devem ser evitados, já que raramente são limpos entre um hóspede e outro.

Confira abaixo as setes coisas mais sujas num quarto de hotel:

 

Coisas mais sujas em um quarto de hotel

 

1 – Controle remoto

Depois do vaso sanitário, este é o item mais nojento num quarto de hotel; costuma concentrar uma grande quantidade de coliformes fecais

2 – Interruptores de luz, telefones e torneiras

Estes são alguns dos itens que recebem pouca atenção dos funcionários da limpeza

3 – Copos e canecas

O hábito de alguns funcionários de limpeza é passar apenas água da torneira do banheiro e secá-los com a toalha. Geralmente não é utilizado detergente. Até as tampas de papel que são colocadas por cima dos copos já podem estar no quarto há bastante tempo

4 – Banheiras

Não é raro encontrar cabelos na banheira. Além disso, alguns hotéis usam produtos químicos para limpar o local que nem sempre são retirados por completo. Às vezes, as banheiras são lavadas com o mesmo pano e luvas usadas para limpar o vaso sanitário

5 – Camas

Um programa de limpeza de um hotel exigia que os lençóis de cama, cobertores e resguardos dos colchões fossem apenas limpos de três em três meses. Sim, leu bem, de três em três meses. E os cobertores guardados nos armários? Provavelmente estão lá desde que o hotel abriu. O mesmo deve acontecer com as almofadas

6 – Cortinas

Nem pense que estas são de alguma forma impecavelmente limpas. Admita, as cortinas não são fáceis de limpar. Exige esforço tirá-las, substituí-las e voltar a colocá-las. Por isso, alguns hotéis nem sequer se dão ao trabalho. E ao ficarem ali tanto tempo, a desfrutar do ar viciado, as cortinas podem tornar-se terreno fértil para todo o tipo de criaturas e insetos nojentos

7 – Escrivaninhas

Estes móveis podem sofrer o mesmo que as banheiras. Na maioria das vezes os funcionários de limpeza estão com pressa e usam os mesmos panos para limpar todas as superfícies do quarto.

 

Com informações da “Gazeta do Povo” e do Insider Pro

Click to listen highlighted text!