Dicas para quem vai se hospedar em um hostel.

Saiba o que levar numa primeira viagem num hostel e como ter uma boa hospedagem.

 

1. Hostels não oferecem amenities e não costumam mimar os hóspedes

 

Não espere que alguém vá carregar sua mochila até o seu quarto, ou que vai ter chocolates e loções em cima da sua cama, e muito menos espere por um recadinho de boas-vindas do gerente camarada num cartão de papel chique.

Aliás, por várias vezes, eu mesma fiz minha cama: acontece muito de o recepcionista do hostel te dar um jogo de cama e você arruma tudo.

No dia do check-out, eles em pedir para você entregar os lençóis, travesseiros e cobertores usados na recepção.

É normal. Ah, e alguns hostels pedem para você lavar sua louça depois do café da manhã.

Entretanto, há sempre um funcionário gente boa que pode te dar ótimas dicas para explorar o local que você está visitando.

2. Leve toalha, sabonete e creme dental

 

É raro um hostel oferecer toalha. Sabonete e creme dental, quase impossível.

Por isso, leve tudo na sua bagagem – ou você vai precisar sair para comprar.

 

Dicas para quem vai se hospedar em um hostel.

 

3. Itens indispensáveis para dormir: tapa olhos e protetores auriculares

 

Nem sempre um hostel tem janelas com blecaute. E nem sempre um hostel tem luminárias individuais nos quartos coletivos.

Se você não quiser acordar com o dia amanhecendo e o sol entrando pela fresta da janela diretamente na sua cara, use um tapa-olhos.

E se você não quiser acordar com os colegas de quarto fazendo barulho ou tarde da noite porque acabaram de voltar da balada bêbados, ou de madrugada, porque acordaram para ir embora cedinho, use protetores auriculares. Dois itens indispensáveis para salvar o seu sono.

 

4. Você normalmente paga o que consome na hora

 

Hostels não têm frigobares no quarto. E, se tiverem, estarão vazios (o que acho muito legal, porque eu aproveito para comprar frutas e deixar tudo ali, fresquinho, para comer depois).

Alguns vendem água, cerveja e outras bebidas. Há até hostels com bares.

E há os que oferecem refeições. Mas esteja preparado: é preciso pagar por tudo isso na hora.

É por isso que muita gente estranha o momento do check-out: em hostel, basta deixar a chave do quarto e ir embora. Afinal, você não estará devendo nada.

 

5. Não esqueça o seu cadeado

 

Isso também vale para mim, frequentadora assídua de hostels: eu SEMPRE esqueço de levar o meu cadeado.

Resultado da falta de atenção? Sempre tenho de comprar um (normalmente, os hostels vendem, o que é um alívio). E por isso, eu tenho pelo menos cinco cadeados em casa. Eles pesam na mochila, mas são imprescindíveis para a vida de hóspede de hostel.

Quando você fica em quarto coletivo, pode guardar seus itens mais valiosos em armários que precisam de cadeado. Ou você prefere fazer seus passeios preocupado em ter deixado algumas coisinhas ao léu?

E uma dica: se você usa chinelo Havaianas, guarde sempre no armário. Já ouvi muita reclamação de brasileiro que ficou sem o par de sandálias depois de alguém surrupiá-la no hostel.

 

6. Clima de hostel é de comunidade; e é sempre bom estar a fim de interação social

 

Claro que você também pode ficar enfurnado no seu quarto, mas hostels normalmente têm ambientes de convivência.

É uma das melhores maneiras de se fazer amizade.

E esteja avisado: mesmo que não queira muita interação, você vai ter de acabar respondendo as cinco perguntas básicas que todo mochileiro deve responder.

Fonte viajeaqui.abril

 

 

Hostel em IlhaBela