All for Joomla All for Webmasters

Famílias e Cotidiano, inovar, renovar, criar, eternizar, ser

Família e CotidianoFamília e Cotidiano

Famílias e Cotidiano, inovar, renovar, criar, eternizar, ser.

Famílias e Cotidiano, inovar ou eternizar. Geralmente os inovadores são vistos com reserva e incompreendidos. E os comportados, respeitados e vivem sob aplausos. Você tem o artista, o estudioso, o altruísta, o egoísta, o empreendedor numa família você tem de tudo.

 

Famílias e Cotidiano – Aplausos

Quem passa em concursos, recebe aplausos. Quem é gentil, também. Quem é verdadeiro ao elogiar, encanta. Quem mente, mas, ninguém nota, também. Aplausos numa família, representam sucesso interno com certeza. Mas, não externo.

 

Expressam que aquela pessoa andou na linha para os conceitos daquela família. E é interessante como pessoas de destaque, com fama, geralmente, não seguem esse perfil. Os aplausos, muitos dizem, não eu, são para os engomadinhos da família, os “mauricinhos” e “patricinhas”.

 

Famílias e Cotidiano – Vaias

Vaias para quem é diferente. Para quem quer vencer com conceitos novos, impertinentes. Se o caminho considerado correto por uma família é o concurso, os empreendedores serão difusos. Se é o empreendedorismo, os funcionários públicos serão considerados os párias da sociedade. Tudo depende dos valores daquela família.

 

As vaias não indicam nem sucesso, nem insucesso dentro da família. Indicam sim que teus conceitos, os conceitos de quem foi vaiado, não é aceito, apenas isso. Quem inova assusta, como também, para muitos, é tolo.

 

Agora  no mundo exterior, os vaiados dentro de uma família, podem conseguir um sucesso incomensurável escrevendo seus nomes mundialmente. É tudo uma questão de parâmetro, de visão,de percepção. É agir no tempo e no momento certo e acertar o tiro que está na agulhar.

 

Família e Cotidiano – Valor

Então quem tem valor é quem passou num concurso. Isso é um conceito pequeno, enfadonho e medíocre. Como também, é um conceito digno de elogios. O importante é você entender que todos têm seu espaço. Vaias e aplausos, indicam menor ou maior aceitação, mas, reflita, o importante é você estar feliz consigo.

 

Se você passou num concurso para fazer a mesmice diariamente e é dinâmico, você sofrerá. Se não é dinâmico e nem pensa em ser feliz, ou é feliz com o que vai fazer, siga o seu caminho.

 

Família e Cotidiano – Dinheiro

Os mais endinheirados da família são os vencedores? Claro que não. Muitos monges, pessoas de fé, atingem o nirvana. Coisa que não faz parte, muitas vezes, do que tem dinheiro. Se uma família crê que o dinheiro é prioridade, então os endinheirados são os vencedores.

 

Agora àqueles que não lograram êxito financeiro, saibam, vocês têm que viver com o que ganha. Tem que ter valores pessoais. Se o endinheirado valoriza a classe executiva, você se contenta com a econômica. Ou então com a carona. Mas, você não pode nunca, pedir dinheiro e super valorizar os endinheirados. Isto não. Pois, eles vão pisar e falar de você desprezo e isso vai te ferir.

 

E saiba os endinheirados muitas vezes são norteados de infelicidade. Ser feliz não é ter dinheiro e se aceitar, valorizar e caminhar com suas próprias pernas.

 

Portanto, todos atentos e em busca de uma coisa só, viver a vida intensamente dentro dos seus conceitos, valores e subsídios. Assim, vocês todos serão felizes e a vida será harmônica.

 

Um brinde à reflexão na vida. Um brinde à filosofia.

 

Anand Rao

Editor do Cultura Alternativa

http://culturaalternativa.com.br/

LEIA TAMBÉM:

Sensibilidade e magia nos 88 anos de Dona Maria

Mais de 80 anos de sucesso, Maria do Perpétuo Socorro Adusumilli