FILME DIRIGIDO POR HELENA IGNEZ, A MOÇA DO CALENDÁRIO

A MOÇA DO CALENDÁRIO

FILME DIRIGIDO POR HELENA IGNEZ, ‘A MOÇA DO CALENDÁRIO’ ESTREIA NESTA QUINTA

Longa entra em circuito comercial dia 27 de setembro, após ser exibido e premiado em mais de 15 Festivais nacionais e internacionais

 

“A MOÇA DO CALENDÁRIO”, dirigido pela consagrada atriz e diretora do cinema nacional Helena Ignez,  estreia nesta quinta-feira, dia 27 de setembro, nas cidades de São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Niterói, Porto Alegre, Recife, Brasília, Aracaju e Fortaleza, com distribuição da Pandora Filmes.

 

Quinto longa dirigido por Helena, o filme é baseado em um roteiro escrito por seu marido, Rogério Sganzerla, antes de sua morte, em 2004. O texto foi adaptado por Helena e fala sobre as contradições do país, a luta de classes, as questões de gênero e o sonho como agente libertador.

O filme acompanha Inácio (André Guerreiro Lopes), ex-gari, mecânico e dublê de dançarino desmotivado que trabalha numa oficina mecânica e sonha com uma Moça do Calendário (Djin Sganzerla), musa dos seus desejos e fantasias. Para Helena, “A MOÇA DO CALENDÁRIO” se trata de um “filme utópico”, que busca a “descolonização do pensamento”.

Por “utópico”, a diretora defende a criação de uma sociedade anticapitalista, na qual não existam desigualdades sociais. Através da “descolonização”, imagina uma estrutura alheia aos filmes convencionais, adotando questões políticas, sociais e estéticas tipicamente brasileiras. “A MOÇA DO CALENDÁRIO” busca resgatar o espírito anárquico, do tropicalismo e demais vanguardas do cinema brasileiro.

A diretora Helena Ignez diz: “A MOÇA DO CALENDÁRIO é um roteiro feminista em um universo masculino.

Eu vejo o homem com muito carinho, até porque o protagonista é um homem, o Inácio, mecânico de uma oficina chamada Barato da Pesada. O filme tem muito humor, e é um humor que já estava no roteiro do Rogério e eu mantive. Ao mesmo tempo adicionei algumas questões muito importantes sobre o trabalho no século XXI, a Sociedade do Cansaço.”

 

SINOPSE  A Moça do Calendário

O filme A Moça do Calendário conta a história de Inácio, quarenta anos, casado, sem emprego fixo.  Ex-gari Inácio trabalha como dublê de dançarino e mecânico da oficina Barato da Pesada, onde sonha com a Moça do Calendário. No filme o real e o sonho se entrelaçam.

Ficha Técnica:

Direção: Helena Ignez

Roteiro Original: Rogério Sganzerla

Roteiro Adaptado: Helena Ignez

Elenco: Djin Sganzerla, André Guerreiro Lopes, Mário Bortolotto, Zuzu Leiva, Claudinei Brandão, Eduardo Chagas, Naruna Costa e Barbara Vida

Diretora Assistente: Michele Matalon

Direção de Fotografia e Câmera: Tiago Pastoreli

Montagem: Sergio Gagliardi

Direção de Arte: Fabio Delduque

Figurino: Sonia Ushiyama

Seleção Musical: Helena Ignez

Narração: Helena Ignez

Produção Executiva: Sinai Sganzerla

Direção de Produção: Michele Matalon

Produção e realização: Mercúrio Produções

Co-Produção: SPCINE

Distribuição: Pandora Filmes

Classificação: 16 anos

Duração: 86 minutos

País: Brasil

Ano: 2017