Hábitos diários que ajudam a escrever melhor

Se você tem dificuldade em escrever um bom começo e ler livros.

Ajuda no vocabulário e interpretações de textos diversos.

Com hábitos simples você ira melhorar a escrever melhor.

Hábitos diários e simples que ajudam a escrever melhor

 

 “O escritor é um homem que, mais do que qualquer outro, tem dificuldade para escrever”, disse o alemão Thomas Mann, vencedor do prêmio Nobel de literatura de 1929.

Adote um livro de cabeceira
Você certamente já ouviu que, para escrever bem, é preciso ler muito.

Escolha um livro do seu interesse e não passe um dia sem abri-lo, nem que seja para ler poucas páginas.

 

Use qualquer pretexto para escrever
Observe que o seu cotidiano os pequenos textos  em mensagem via telefone seja um bom dia no whatsap, cartas, emails corporativos

O marcante  é não deixar as oportunidade passar em branco treine sempre.

 

Utilize do recurso de sinônimos

Quando você questiona a escrita de alguma palavra, o uso de determinada expressão ou a construção de uma frase, essa é a hora de consultar os materiais de referência mencionados no item anterior.

Estimule sua criatividade com exercícios físicos
Atividades intelectuais não são a única forma de estimular sua criatividade.

Sua mente precisa de descanso e seu corpo precisa de movimento.

Portanto, não use todo o seu tempo livre para escrever. Invista pelo menos algumas horas toda a semana em alguma atividade que movimente o seu corpo.

 

Em recente matéria no El pais 

” O filho do escritor George Orwell, recorda também suas seis regras para escrever com clareza

Normalmente se diz que não há regras para escrever bem.

Mas não é verdade. Ajuda ter em mãos, por exemplo, as seis normas propostas por George Orwell.

1. Nunca use uma metáfora, comparação ou outra frase feita que esteja acostumado a ver escrita.
2. Nunca use uma palavra longa se pode usar uma curta que signifique o mesmo.
3. Quando possível eliminar uma palavra, sempre elimine.
4. Nunca use a voz passiva quando puder usar a ativa.
5. Nunca use uma expressão estrangeira, una palavra científica ou um termo de jargão se puder pensar em uma palavra equivalente em seu idioma que seja de uso comum.
6. Descumpra qualquer uma dessas regras antes de escrever algo que pareça estúpido.