All for Joomla All for Webmasters

Hip Hop Mulher 2018 – A ocupação

A maior ocupação de mulheres atuantes do Hip Hop na história do DF.

 

De 8 a 10 de março, o Conic receberá o maior evento feminino de hiphop de Brasília

Essa é a proposta do Hip Hop Mulher 2018 – A ocupação, que será realizado de quinta a sábado (8 a 10 de março), na praça Central do Conic (SDS).

Na quinta e na sexta-feira, a programação será aberta será às 19h, e no sábado, o evento contará com programação especial, abrindo às 17h com BATALHA DAS GURIAS e GRAFITEIRAS DF/ENTORNO.

Entre as 34 atrações, teremos ATITUDE FEMININA, CLÉO STREET, BELLADONA, THABATA LORENA, DONAS DA RIMA E GUERREIRA LILIAN.

O acesso será aberto e gratuito.  

 

A Censura Indicativa é de 15 anos na quinta e sexta-feira (8 e 9/3) e no sábado (10/3), a censura indicativa é de 18 anos.

O projeto é patrocinado pelo Fundo de Apoio a Cultura do DF (FAC/DF), da Secretaria de Cultura do DF, do GDF.

 

Hip Hop Mulher 2018 – A ocupação

 

“O evento será realizado no mês em que se comemora a Luta e Conquista da Mulher por seu espaço no mundo”, afirma a idealizadora e coordenadora do evento, Cléo Street.

 
Atrações
O evento traz música, dança, batalhas de rima, grafite, mostrando a beleza, a garra e o talento das mulheres do Hip Hop do Distrito Federal.  Contando com
KARLINHA RAMALHO, LARISSA DELFANTE e MEIMEI BASTOS como apresentandoras, o Hip Hop Mulher 2018
A Ocupação conta com as seguintes atrações: ANNY VOX , ATITUDE FEMININA, BELLADONA, BRENDA EMANUELLY, CHELY ETNIA , CLÉO STREET, DONA RAYLA, DONAS DA RIMA
DREE-K, GUERREIRA LÍLIAN, ISA LACERDA, KETLEN HOOP, LIDHY 7, LIDIA DALLET, MINA LÚ, MINA TAY , MINAS DE STYLU, MINAS DO GUETO, PAULA HOSANA , PRETHAÍS, PRISCILA PASCOAL, REBECA REALEZA, RELATO FEMININO, SAPHIRA, TAYNA CB e THABATA LORENA.

Como convidadas temos: DJ ELDY, DJ PRIX, DJ RACHEL, BATALHA DAS GURIAS, GRAFITEIRAS DF/ENTORNO, GUETO CREW, GRUPO CHARADAS e
MICHELLE REIS BGIRL.

Histórico 

Hip Hop Mulher 2018 – A ocupação

 

A coordenadora do evento explica que o Hip Hop Mulher traz em sua história uma trajetória de luta e conquista em sua essência.

Ela conta que que o projeto foi idealizado em 2008, pensando na carência de grupos femininos de rap a ideia não saiu do papel.

Em 2010, Cléo dividiu esse pensamento com Iranildo Moreira o Iran, integrante do grupo de rap “Liberdade Condicional” e atual presidente da ONG/OSC Grupo Cultural Azulim (primeira ONG de Hip-Hop do DF).

Já em 2014, o Projeto saiu do papel e se concretizou com o primeiro evento de Hip-Hop feminino do DF, com o título ‘De Mulher Pra Mulher’ sendo esse um tributo à saudosa rapper Dina Di, realizado pelo Grupo Cultural Azulim através da Secult/FAC-DF.

Em 2015, o evento teve sua 2ª e mais recente edição. Em 2017, o DF se encontra num novo cenário repleto de grupos de rap feminino e surgindo cada vez mais.

Cléo consegue emplacar o projeto em seu nome com o apoio da Secult/FAC-DF para realizar o Hip-Hop Mulher, sendo possível sua realização somente em 2018. O evento será realizado no mês em que se comemora a Luta e Conquista da Mulher por seu espaço no mundo.

” O nome ‘Hip-Hop Mulher Ocupação’  surgiu devido ao projeto ter sido contemplado no edital de ocupação de espaço público. Serão três dias de evento com os grandes nomes do rap feminino DF e convidadas da dança, grafite e DJ. Tornando essa, a maior de todas as edições do Hip-Hop Mulher. Vale conferir pois traz a conquista da superação”, explica Cléo Street, que é rapper e militante da cultura Hip-Hop

 

Serviço:

O quê: Hip Hop Mulher 2018 – A ocupação,

Quando: Quinta a sábado (8 a 10 de março). A partir das 19h, na quinta e na sexta e, no sábado, a partir das 17h 

Onde: Praça Central do Conic (SDS)

Quem: Entre as 34 atrações, teremos ATITUDE FEMININA, CLÉO STREET, BELLADONA, THABATA LORENA, DONAS DA RIMA E GUERREIRA LILIAN. 

Custo: O acesso será aberto e gratuito. 

Censura Indicativa: 15 anos na quinta e sexta-feira (8 e 9/3) e no sábado (10/3), a censura indicativa é de 18 anos.

O projeto é patrocinado pelo Fundo de Apoio a Cultura do DF (FAC/DF), da Secretaria de Cultura do DF, do GDF.

Informações: (61) 98197-0955 ou

www.facebook.com/hiphopmulherocupa/