Portuguese English Spanish
Sexta, 24 Novembro 2017 10:58

Destinos imperdíveis para visitar em 2018

Do norte ao sul, do frio ao calor. Esta lista inclui opções para todos os perfis de turistas

Você já começou a pensar nos destinos de suas viagens para 2018?

O site Business Insider consultou grandes especialistas em viagens de todo o mundo, como os do Airbnb e do Lonely Planet, e perguntou a eles quais eram os programas imperdíveis para fazer no ano que vem pela frente. De montanhas geladas a praias paradisíacas, os profissionais fizeram uma lista com 25 opções para todos os perfis de turistas.

Confira abaixo e faça a sua lista.

 

1. Laya, no Butão, durante o Festival Royal Highlander.

Em outubro de 2018, será realizada a terceira edição do festival Royal Highlander, em Laya, no Butão. Em um dos assentamentos mais altos do mundo, a cerca de 4mil metros de altitude, o festival celebra a cultura nômade do Himalaia, numa festa que envolve cores, cavalos e muita tradição.

 

2. Vinhales, em Cuba.

As ruas coloridas e vibrantes de Cuba são um ótimo destino para visitar em 2018, segundo o site. Entre os programas, estão admirar os desfiles de carros antigos que cruzam o asfalto e se deliciar com a comida típica.

 

3. Alentejo, em Portugal.

A costa sul de Portugal, a região de Alentejo, tem praias deslumbrantes com águas claras e ilhas paradisíacas como a de Sines e a de Porto Covo. Para os amantes de surfe, São Torpes está repleto de praias vazias e onde perfeitas para pegar.

 

4. Valeta, em Malta.

A cidade de Valeta é a capital da ilha de Malta, um destino que não está entre os primeiros dos turistas. Em 2018, o local será a Capital Europeia da Cultura com um calendário cultural intenso. Quem quer fugir dos destinos óbvios vale a pena ficar de olho.

 

5. Caribe.

Segundo os especialistas consultados pelo site, haverá um crescimento no turismo socialmente responsável, aquele que busca deixar um legal no local visitado e contribuir com seu desenvolvimento. Por conta disso, o turismo no Caribe deve crescer no próximo ano, motivado por pessoas dispostas a ajudar a população local que sofreu com o furacão Maria e Irma, que devastaram a região em 2017.

 

6. Antelope Canyon, em Utah, nos Estados Unidos.

O Antelope Canyon em Utah, no Grand Canyon, é um dos locais dos Estados Unidos com uma paisagem deslumbrante e pouco explorada. Adentrar em seu interior é desbravar uma arquitetura natural sinuosa e impressionante – uma das menos conhecidas do Grand Canyon.

 

7. Tóquio, no Japão.

Um dos destinos mais amados por muitos especialistas em turismo. A capital da ilha é conhecida pela luminosidade, pela tecnologia e por exalar a cultura oriental. Com a proximidade das Olimpíadas de 2020, o país está ainda mais estruturado para receber turistas de todo o mundo.

 

8. Nusa Lembongan, na Indonésia.

A ilha paradisíaca (e praticamente desértica) na Indonésia, próxima a Bali, é um dos destinos menos explorados no país e conhecida por suas águas calmas e límpidas, perfeitas para quem busca a paz e o contato com a natureza. Pouco conhecida, tem preços mais acessíveis.

 

9. Islândia.

De acordo com os especialistas consultados pelo Business Insider, um dos destinos mais procurados por turistas serão os mais ao norte, onde será possível observar fenômenos bem característicos dessas regiões, como a aurora boreal. Nesse sentido, a Islândia será uma opção bastante valorizada e pedida.

 

 

10. Terra do Fogo, no Chile.

A Terra do Fogo, ao sul do Chile, é, definitivamente, um dos lugares mais bonitos da América do Sul para ser visitado. Um destino perfeito para quem ama contato com a natureza e gosta de observar mamíferos e aves, além de esquiar nas montanhas.

 

11. Lago de Bled, na Eslovênia.

Um lugar bem específico ao redor do mundo. Mas é esta outra sugestão de especialistas em turismo consultados: visitar o Lago de Bled, na Eslovênia, e praticar caiaque. Suas águas claras e o horizonte deslumbrante são pontos altos do passeio.

 

12. Louisiana, nos Estados Unidos.

Para quem gosta de um passeio mais cultural e com características históricas, uma ótima opção é desbravar o estado de Louisiana, nos Estados Unidos, onde há uma série de fazendas para o turista conhecer a história dos negros do país.

 

13. Sevilha, na Espalha.

Eleita a melhor cidade para visitar em 2018 pelo Lonely Planet, Sevilha é uma cidade perfeita para quem busca a beleza arquitetônica, boa gastronomia e um agito cultural. Um destino que une o local e o cosmopolita.

 

14. Ilha de São Miguel, em Portugal.

No Arquipélago de Açores, em Portugal, está um dos destinos mais impressionantes visitados pelos especialistas, a Ilha de São Miguel. Há lagos, vulcânicos, colinas arborizadas, fontes termais e uma arquitetura histórica que impressionam os visitantes.X

 

15. Cruzeiro Trollfjord, na Noruega.

Entre os passeios sugeridos, não poderia falta, claro, um cruzeiro. Os profissionais consultados indicaram um que passe por países menos óbvios. Os destinos indicados foram os escandinavos, como Estocolmo, Oslo, Helsínquia e São Petersburgo.

 

16. Tunes, na Tunísia.

A capital da Tunísia é um país que une a hospitalidade local, paisagens antigas e bairros pouco explorados pelo turismo. Lá, é possível fazer um passeio pela natureza, desbravando o deserto do Saara, pelos segredos de ruínas da cidade, pela História das artes e da arquitetura que vibra pela cidade.

 

17. Pedras de Callandish, na Escócia.

A região das Hébridas Exteriores, onde ficam as famosas pedras, na costa oeste da Escócia, é outro destino obrigatório para 2018. Afora conhecer detalhes da História Antiga que estão guardados na região, é possível passar um dia admirando as águias que cortam os céus, bem como a beleza das montanhas no horizonte. Tudo isso sem se preocupar em desviar de turistas que estão pela região, afinal, poucas são as pessoas que escolhem esse destino para ir.

 

18. Gullfoss, na Islândia.

Para quem não gosta de lugares com muitas pessoas e prefere o isolamento, a Islândia é um bom destino. De acordo com fotógrafos de viagens que desbravam diferentes locais do mundo, a paz se intensifica ainda mais quando o turista aluga um carro na capital, Reykjavik, e desbrava o interior do país. Um dos locais mais impressionantes é Gullfoss, uma região com uma série de quedas d’água.

 

19. Tallinn, na Estônia.

Em 2018, comemoram-se os 100 anos da criação da República da Estônia e o país terá uma série de comemorações. A capital Tallinn terá um calendário agitado e será uma das tendências para conhecer no próximo ano. Vale a pena ficar de olho nos diversos eventos que serão realizados para se programar.

 

20. Amsterdã, Países Baixos.

Amsterdã é um destino clássico na Europa, mas o que os especialistas consultados afirmam é que o que, mais que o destino, o que será importante será a experiência turística. Nesse sentido, sugerem que o turista tome um trem de Londres com rumo a Amsterdã e admire a paisagem ao seu redor.

 

21. Praias de Dakar, no Senegal.

Outro destino que está em alta na costa ocidental da África. Se Gana foi um destino bastante desejado em 2017, o próximo ano deve ser ano do Senegal, outro ponto com uma paisagem deslumbrante e onde turistas podem aproveitar as fortes ondas.

 

22. Mostar, na Bósnia e Herzegovina.

A Bósnia e Herzegovina é, definitivamente, um belo destino para estar em 2018. E não é apenas Saravejo o local para visitar. A cidade de Mostar, destruída pela guerra nos anos 90, foi reconstruída e hoje apresenta aos turistas uma série de tradições e monumentos para a guerra não ser esquecida.

 

23. Lago Baikal, na Rússia.

Entre os pontos turísticos preferidos por instagramers, o Lago Baikal, na Rússia, é o maior e mais profundo logo de água doce do mundo. Sua paisagem fica ainda mais incrível no inverno quando ele congela.

 

24.  Parque Nacional do Teide, em Tenerife.

Outro destino pouco lembrado por viajantes, o Parque Nacional do Teide, em Tenerife, a maior ilha no arquipélago das Canárias, é um local onde diante de uma paisagem paradisíaca, o visitante pode explorar montanhas e desertos.

 

25. Lauterbrunnen, Suíça.

Finalmente, o 25º destino citado pelos especialistas consultados é a Suíça. Mais especificamente, Lauterbrunnen, um vale com dezenas de cachoeiras onde o turista pode admirar as geleiras de um teleférico e se perder entre os encontros do branco da neve com o branco das nuvens.

Fonte casavogue 

Deixe um comentário

Receba nossas atualizações e notícas

Todos os direitos reservados Portal Cultura Alternativa. Site por Alvetti.com