Anne Frank: The collected works

Anne Frank

Mais de Anne Frank

Cartas que Anne escreveu para sua avó serão reunidas em livro inédito. Correspondência ajuda a entender a vida da jovem que morreu em um campo de concentração nazista.

O diário de Anne Frank já foi traduzido para mais de 70 idiomas e possui muitas edições em muitos formatos.

Anne Frank

Agora, as cartas que Anne escreveu para sua avó paterna, Alice Frank, foram reunidas pela primeira vez em livro.

A correspondência foi trocada entre 1936 e 1941, período anterior ao seu diário. Em uma delas, a garota discorre sobre sua aparência e conta que seus pais acham que ela deveria cortar o cabelo, mas ela quer deixá-lo crescer.

Além de relatos da vida cotidiana, como o que ganhou de presente em seus aniversários e acontecimentos costumeiros, a menina divide com a avó alguns problemas resultantes da Guerra.

Anne morava na Holanda, que foi invadida em 10 de maio de 1940 e sofria com a perseguição contra os judeus: “Estou adquirindo um vestido novo, é muito difícil de obter tecido e muitos e muitos cupons de ração são necessários”.

Os escritos serão reunidos no livro Anne Frank: The collected works, publicado pela Bloomsbury e já em pré-venda.

O volume traz ainda as três versões do diário de Anne, além de ensaios, fotografias, cartas e cadernos de suas citações favoritas e ensaios de contextualização de escritores como Francine Prose e o historiador Gerhard Hirschfeld.

Acompanhe as novidades na literatura