Bibliotecas públicas – Um local tranquilo para estudar.

Bibliotecas públicas do DF. - Cultura Alternativa

Bibliotecas públicas

DF tem pelo menos 15 espaços abertos sob protocolos rígidos de combate à pandemia. Confira os endereços

Após um longo período de pandemia do coronavírus, 15 das 26 bibliotecas espalhadas por várias regiões administrativas da capital voltaram a receber os frequentadores em seus espaços (veja a lista ao final).

A unidade de Ceilândia é uma das mais bem estruturadas do DF. São cerca de 60 mil livros no acervo, segundo a coordenadora Pollyanna Souza.

Salas de leitura, 15 computadores com internet disponível, copa para refeições e, recentemente, passou a oferecer o Wi-Fi Social, internet móvel gratuita colocada em locais de grande circulação pela Secretaria de Ciência e Tecnologia.

Como uma forma de prevenção à covid-19, os usuários passam por aferição de temperatura, devem usar máscaras e limpar os pés em tapetes sanitizantes.

A principal medida, no entanto, é a proibição do acesso dos usuários ao acervo. Apenas um funcionário, com luvas de proteção, manuseia os livros antes de entregá-los ao leitor. Assim que são devolvidos, os livros passam por quarentena de 10 dias antes de retornar às estantes.

Bibliotecas públicas

Biblioteca Nacional também voltou

No Eixo Monumental, voltou a receber o público no final de setembro. Com 60% de sua capacidade liberada, a jovem biblioteca, vizinha do Museu Nacional, também segue as regras sanitárias usadas em Ceilândia. Além disso, a visita deve ser marcada via agendamento no site Minha Agenda Virtual.

“Temos vagas em um período que vai das 9h às 14h, e em outro das 14h às 19h. Enquanto um grupo sai, o outro entra”, explica o diretor substituto da BNB, Daniel Portela.

“É algo que foi pensado com muita calma pela equipe técnica para garantir a segurança dos usuários e diminuir risco de contaminação”, acrescenta.

Leia também

Bibliotecas públicas do DF

Bibliotecas abertas no Distrito Federal

Biblioteca Nacional de Brasília (Eixo Monumental)

Funcionamento: Segunda a sexta, das 9h às 19h; sábado e domingo, das 8h30 às 13h30

Biblioteca Pública de Águas Claras

Funcionamento: Segunda a sexta, das 8h às 18h

Biblioteca Pública da Candangolândia

Funcionamento: Segunda a sexta, das 8h às 18h

Biblioteca Braille Dorina Nowill (Taguatinga)

Funcionamento: Segunda a sexta, das 8h às 17h (atendimento feito após agendamento)

Biblioteca Pública do Gama

Funcionamento: Segunda a sexta, 8h às 18; Sábados das 8hh às 12h

Biblioteca Pública do Guará

Funcionamento: Segunda a sexta, das 8h às 18h

Biblioteca Pública do Núcleo Bandeirante

Funcionamento: Segunda a sexta das 8h20 às 22h; sábados de 8h20 às 18h; domingos de 8h20 às 13h

Biblioteca Pública do Paranoá

Funcionamento: Segunda a sexta, das 8h às 18h

Biblioteca Pública do Recanto das Emas (Quadra 805)

Funcionamento: Segunda a sexta, das 8h às 12h e das 14h às 18h

Biblioteca Pública do Riacho Fundo

Funcionamento: Segunda a sexta, das 8h às 12h

Biblioteca Pública de Santa Maria Norte

Funcionamento: Segunda a sexta, das 8h às 12h e das 14h às 18h

Biblioteca Pública de Santa Maria Sul

Funcionamento: Segunda a sexta, das 8h às 12h e das 14h às 18h

Biblioteca Pública de Sobradinho

Funcionamento: Segunda a sexta das 8h30 às 22h; sábado das 8h às 12h

BIBLIOTECA | Brasilia | LITERATURA | livros

Fonte Agencia Brasília