Crônicas de Anand Rao – Dia dos Namorados na pandemia do coronavirus

Crônicas de Anand Rao - Dia dos Namorados na pandemia do coronavirus

Crônicas de Anand Rao – Dia dos Namorados na pandemia do coronavirus

Hoje é dia de esquecer da pandemia e beijar, e transar, e amar.

Ou não? Temos que seguir um novo rito, o mundo mudou e temos que nos encantar via vídeo.

Ou não? Temos que criar novos rumos, intensos, sensuais e vigorosos para este dia.

Casais separados unidos

Situações diversas ocorreram com o fechamento das fronteiras.

Casais ficaram separados pelas restrições impostas.

Descobriram o Zoom, o Google também abriu um canal, o Whatsapp, o Telegram, Instagram, Facebook e muitas formas de se ver.

E o sexo. Nesta área há a satisfação visual, há a satisfação física solitária, e caminhos existem, basta ter criatividade.

E com relação à cumplicidade, se abrir na internet com tantos hackers de plantão pode ser complicado.

Os que têm medo geralmente são hackeados. Eu nunca fui, só uma vez com gastos e compras que não fiz no cartão de crédito, aí cancelei as mesmas.

Não ter medo é fundamental, acreditar na lisura mais ainda, este é o momento para você definir novos rumos para sua relação.

Casais em casa

Muitos estão tendo problemas, 24 h juntos e não estavam acostumados com isso.

Novas regras na relação têm que ser definidas.

Novos caminhos existem, podem ser feitos acordos de trabalho, hoje o “home office” se proliferou.

Acordos são necessários para que um não atrapalhe o outro.

No meu caso resolvi respeitar minha companheira que trabalha rotineiramente para esse portal.

Só converso com ela quando ela conversa comigo.

Senti que toda vez ela estava mais disposta a trabalhar do que trocar ideias sobre astral e filosofia, temas que gosto de conversar.

E seguimos assim e vamos ver onde vai dar.

Quanto ao sexo, tudo está bem.

Portanto, ela manda, se quer conversar, converso, se não cada um segue seu caminho.

O importante é saber que existem diversas possibilidades e caminhos para a boa convivência.

Crônicas de Anand Rao – Dia dos Namorados na pandemia do coronavirus

Presentes

Shoppings foram reabertos para aquecer a economia.

Oramos para não ter uma segunda onda.

Todos devem se especializar em comprar on line.

Quem não tem acesso à internet deve buscar caminhos.

Infelizmente hoje, a internet é tudo.

Para nós a muito tempo é, jornalismo sem internet não existe.

E é por aí. A intenção do comércio é excelente.

Mas, é importante o empresário se tornar craque em vendas on line, bem como, o consumidor.

Na internet há tudo, na loja física falta tudo.

Crie novos caminhos para realizar seus sonhos de presentear.

Dia dos Namorados

Para muitos um dia normal, para mim, especial.

Para outros que são ativos, revolucionário, é um dia comercial.

Nós nos demos armários com nosso perfil.

Uma reforma na cozinha com o nosso perfil.

O passado foi exonerado da nossa casa e o novo implementado.

Espero que ela esteja feliz, porque eu estou.

Feliz Dia dos Namorados.

Crônicas de Anand Rao – Dia dos Namorados na pandemia do coronavirus

Anand Rao

Editor do Cultura Alternativa