Dia Mundial do Refugiado

Dia Mundial do Refugiado

Dia Mundial do Refugiado

Desde 2001, o Dia Mundial do Refugiado é celebrado globalmente em 20 de junho, de acordo com resolução aprovada pela Assembleia Geral das Nações Unidas.

O deslocamento global atingiu impressionantes 79,5 milhões de pessoas no ano passado – quase o dobro do número registrado há uma década – devido a guerra, violência, perseguição e outras emergências, informou nesta quinta-feira (18) a Agência da ONU para Refugiados (ACNUR).

“Esse número de quase 80 milhões – o mais alto que o ACNUR registrou desde que essas estatísticas foram sistematicamente coletadas – é obviamente um motivo de grande preocupação”, disse Filippo Grandi, alto-comissário do ACNUR, em comentários para o Dia Mundial dos Refugiados, 20 de junho.

Dia Mundial do Refugiado

Para o ACNUR, a data é uma oportunidade para homenagear a coragem, a resiliência e a força de todas as mulheres, homens e crianças forçadas a deixar suas casas por causa de guerras, conflitos armados e perseguições. Estas pessoas deixam tudo para trás – exceto a esperança e o sonho de um futuro mais seguro.

“Neste ano, o Dia Mundial do Refugiado coincide com uma onda de protestos em todo o mundo contra o racismo. O ACNUR nasceu com a forte convicção de que somos todos e todas iguais em dignidade e direitos e que as pessoas perseguidas por causa de suas crenças ou características – inclusive a raça – têm o direito de ser protegidas”, diz o representante do ACNUR no Brasil.

Para a Agência da ONU para Refugiados, é necessário buscar um mundo cada vez mais inclusivo, no qual ninguém seja abandonado.

Esta ideia está no centro das celebrações do Dia Mundial do Refugiado neste ano, reforçando a mensagem de que as pessoas refugiadas podem contribuir com a sociedade que as acolhe.

Dados da fonte Nações Unidas

Agnes Adusumilli

Redação – Cultura Alternativa