Festival de Música Instrumental – em formato on-line

Festival de Música Instrumental - em formato on-line

MIA, o Maior Festival de Música Instrumental do interior paulista, acontece pela primeira vez em formato on-line

 Em sua primeira edição virtual, evento possui programação extensa dedicada à música instrumental brasileira

Realizado pelo Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, Poiesis e Oficinas Culturais, o MIA foi criado em 2015, em Araçatuba, no interior paulista.

O festival já levou atividades para mais de 20 mil pessoas, em mais de 100 ações de formação e difusão.

Em 2020, sua primeira edição virtual tem como pressuposto o encontro e a experimentação de possibilidades de conexão entre diferentes contextos, geografias e gerações, tornando as redes de Oficinas Culturais palco de um recorte da diversidade da música instrumental que acontece agora.

A programação estará disponível nas páginas do YouTube, Facebook Instagram das Oficinas Culturais

Com foco na formação, na troca e na interação, o Festival traça um panorama da música instrumental brasileira e reflete sobre seus lugares, mercados e caminhos, por meio do diálogo com diversos nomes, olhares, linguagens, gêneros e estilos, transitando entre jazz, erudito, popular, eletrônico, experimental e improvisação livre.

A programação estará disponível nas páginas do YouTube, Facebook e Instagram das Oficinas Culturais. Nos dias 27 de setembro e 04 de outubro, a programação terá acessibilidade em libras.

No dia 15 de outubro, o conteúdo da transmissão ao vivo do festival será disponibilizado no YouTube com audiodescrição.

Festival de Música Instrumental – Programação

No dia 27 de setembro às 16h, o MIA Convida receberá Charles Raszl para uma conversa sobre música e acessibilidade com Luis Zanetti e Walker de Souza, respectivamente professor e orientador social do Instituto Adhara, organização criada com o objetivo de promover a inclusão de crianças, adolescentes e jovens surdos na sociedade.

No dia seguinte, às 19h, Ivan Vilela, virtuose da viola de dez cordas, e Juliana Andrade, afilhada de Inezita Barroso e uma das maiores violeiras do Brasil, conversarão sobre suas produções musicais, cultura caipira, tradição e cultura popular pelas páginas de YouTube e Facebook das Oficinas Culturais.

Ivan Vilela, virtuose da viola de dez cordas, e Juliana Andrade, afilhada de Inezita Barroso e uma das maiores violeiras do Brasil, irão compartilhar a respeito de suas produções musicais, cultura caipira, tradição e cultura popular no dia 28 de setembro, às 19h.

No dia 29, também às 19h, dois dos maiores bateristas da atualidade, Mariá Portugal e Sergio Machado, trarão suas perspectivas sobre processo criativo, produção musical, colaborações, trabalhos solos, projetos em andamento e refletem sobre os desafios do contexto atual. Ambas atividades serão transmitidas pelo Instagram das Oficinas Culturais.

François Muleka, artista visual, cantautor e multi-instrumentista, e Ana Karina Sebastião, baixista do programa ‘’Conversa com Bial’’ e integrante da banda de Chico César, conversarão sobre seus trabalhos, referências, processos criativos e pontos artísticos em comum no dia 30 de setembro, às 19h no Instagram.

Aorelio Domingues, mestre rabequeiro e idealizador e músico da Orquestra Rabecônica do Brasil, e Felipe Gomide, músico e fundador do Curso Livre de Rabeca e do Bloco de Pífanos de São Paulo, abordarão a música e cultura tradicional, relembrando mestres da cultura popular e a paixão pela rabeca. A atividade será transmitida pelo Instagram no dia 1 de outubro, às 19h.

Duas gerações, intensas produções e um tempo complexo: a revelação baiana, Josyara, e o veterano paulistano, Kiko Dinucci, irão refletir sobre música, composição, seus trabalhos recém-lançados e sobre ser artista na atualidade. O encontro acontecerá pelo Instagram no dia 2 de outubro, às 19h.

Por fim, no dia 3 de outubro às 19h, Dois dos mais criativos e inquietos talentos da música brasileira, Arthur Joly, criador do estúdio Reco-Master, e Donatinho, vencedor do Prêmio da Música Brasileira pelos álbuns “Zambê” e “Sintetizamor”, conversarão sobre produção musical, sintetizadores e trabalhos autorais. A transmissão será realizada pelo Instagram.

Festival de Música Instrumental

O festival acontecerá no dia 4 de outubro, das 16h às 21h pelo YouTube e Facebook das Oficinas Culturais.

O conteúdo da transmissão ao vivo do festival será disponibilizado no YouTube com audiodescrição no dia 15 de outubro.

gσѕтα ∂є мυѕι¢α ?