França inaugura teleférico urbano

França inaugura teleférico urbano - Cultura Alternativa

França inaugura teleférico urbano

A cidade de Toulouse, no Sudoeste da França, inaugura neste fim de semana o mais longo teleférico urbano daquele país.

O meio de transporte aéreo, chamado oficialmente de Téléo (pronunciasse TéleÔ), vai religar três bairros, fazendo em 10 minutos o trecho que antes os moradores da cidade levavam meia hora para percorrer.

A solução é inusual, mas perfeitamente enquadrada dentro das preocupações das autoridades da região da Occitânia (cuja capital é Toulouse) de melhorar a mobilidade urbana com redução de impactos ambientais.

França inaugura teleférico urbano

O trajeto do teleférico (cujo maior pilar se eleva a 70 metros) transpõe um grande rio, uma rodovia, uma colina e uma estrada de ferro, obstáculos esses que atrasavam a viagem de 3 quilômetros entre os bairros de Rangueil e Peach David, que agora ele religa.

Além de alternativa para ajudar no escoamento de passageiros, a prefeitura local aposta no potencial turístico do novo equipamento.

Suas cabines proporcionam avistar uma paisagem natural deslumbrante, cujo ponto alto é a cadeia de montanhas dos Pireneus, majestoso marco físico que separa a França da Espanha. Tudo isso pelo preço de um ticket de metrô!  

A preocupação em integrar os meios de transporte é uma obsessão boa da quarta maior cidade francesa (meio milhão de habitantes).

As três estações da rota do Teleférico estão articuladas a pontos finais de ônibus, estações de metrô e estacionamentos de carros. As bicicletas poderão acompanhar o ciclista dentro das cabines.

O Prefeito de Toulouse, Jean-Luc Moudenc, disse na inauguração do teleférico que vislumbra o dia em que os moradores da cidade vão abandonar o automóvel em favor de meios de transporte mais ‘’performantes’’, coletivamente falando.

Os governos da região e da cidade estão fazendo seus esforços, e até capricham. O teleférico é um projeto de 8 anos, no qual foram gastos 800 milhões de euros (4 bilhões de reais, por baixo).

Em nome da atratividade, do conforto e do estilo (o habitante de Toulouse é exigente), a concepção das cabines foi encomendada aos projetistas da italiana Ferrari.

Elas têm janelas panorâmicas, capacidade para 34 pessoas, vão recolher passageiros a cada 1 minuto e 30 segundos nas estações e funcionarão entre 5h15min e 00H30min.

Texto de Carlos Dias Lopes é músico e jornalista. 

Cultura Alternativa