A incrível história de Frida Kahlo

Frida Kahlo

Mulher, pintora, mexicana, são só algumas palavras que descrevem Frida Kahlo, um ícone do feminismo.

Algumas pessoas acham a história de Frida um desastre, outras a vêm como inspiração.

Não podemos negar que a história de Frida foi muito conturbada. Mas foi também uma grande história de superação e exemplo. Frida faria 112 anos no dia 06 de Julho de 2019.

Nessa data tão significativa para muitas, é sempre bom relembrar a incrível história de Frida Kahlo.

Frida Kahlo – A infância

Frida nasceu em Coyoacán, uma pequena cidade do México e foi a terceira dos quatro filhos. Apesar de ter crescido cercada de mulheres era muito próxima a seu pai.

Com 6 anos Frida Kahlo teve poliomielite, doença que teria a levado a amputar a perna direita. O que a levaria a usar várias saias rodadas e longas, o que virou sua marca registrada.

Frida mudou o seu ano de nascimento no registro

Frida nasceu no ano de 1907, mas quando adulta mudou o seu registro para 1910. Isso porque queria homenagear a revolução mexicana que teria começado nesse mesmo ano.

Frida Kahlo – Acidentes

Durante sua vida, Frida sofreu inúmeros acidentes e foi diagnosticada com varias doenças. Um dos seus piores acidentes, foi de ônibus quando tinha 18 anos.

Frida fraturou diversos ossos do corpo, como costela, pélvis e teve sua perna fraturada em 11 partes. Depois do acidente, Frida ficou inconsciente por um tempo. E durante sua recuperação pediu ao pai que improvisasse uma tela acima de sua cama para que pudesse pintar.

Interesse pela pintura

Frida teve interesse por pintar depois do seu primeiro acidente. Suas obras retratavam muitas vezes coisas relacionadas ao acidente.

Frida conseguia pintar graças a uma tela que foi improvisada acima de sua cama durante a sua recuperação pelo seu pai. Depois que começou a pintar Frida nunca mais parou. Entre suas obras estão também muitos altos retratos.

Frida Kahlo é hoje considerada um exemplo feminista pela sua forma de se representar nos quadros. Frida foi a única mulher em sua década capaz de fazer tamanha desconstrução da figura feminina.

Um ano após o acidente, Frida conheceu o famoso pintor Diego Rivera a quem mostrou suas obras que foram muito elogiadas.

Frida Kahlo
Frida Kahlo

Frida Kahlo – Matrimônio

Frida se casou com Diego Rivera e teve um relacionamento muito conturbado. Uma vez relatou que ela tivera dois acidentes: um de ônibus e o outro Diego.

Durante o casamento Frida tentou engravidar varias vezes e todas acabaram em aborto espontâneo graças as sequelas do acidente. Durante o casamento, também descobriu diversas traições do marido, uma inclusive com sua irmã.

Frida se divorciou de Diego durante um ano, mas logo retomou o casamento pois a separação foi muito dolorida.

Durante as vezes que Frida descobriu a infidelidade do marido, ela devolveu na mesma moeda. Se relacionando com homens e mulheres.

O que não era comum na época (tanto a infidelidade da mulher, como se relacionar com mulheres). O que foi uma verdadeira revolução.

A𝘨𝘯𝘦𝘴 𝘈𝘥𝘶𝘴𝘶𝘮𝘪𝘭𝘭𝘪 – 𝘙𝘦𝘥𝘢çã𝘰 𝘥𝘰 𝘊𝘶𝘭𝘵𝘶𝘳𝘢 𝘈𝘭𝘵𝘦𝘳𝘯𝘢𝘵𝘪𝘷𝘢