Holambra, cidade das flores em São Paulo

Holambra

Holambra, cidade das flores em São Paulo.

Há um trecho da cidade que visitamos, sentimos que foi reformado para encantar o turista.

Há a orquídea.

Há a magia.

Há a flor simbolo de tanto amor.

E fomos parar lá pela história de Holambra e informações dadas pelo empresário Saulo Bernardes.

Portal de Holambra 

Um portal atraente.

Há espaço para estacionar e você pode tirar selfies com tranquilidade.

O Moinho Povos Unidos

O moinho de Holambra foi construído durante 20 meses sob a supervisão direta do arquiteto holandês Jan Heijdra, um dos poucos especialistas do mundo na construção de moinhos à época.

Durante a construção, Heijdra, então com 82 anos e residindo na Holanda, havia construído e reformado aproximadamente 400 moinhos.

O Moinho Povos Unidos foi inaugurado em 12 de julho de 2008 durante a programação comemorativa aos 60 anos de imigração holandesa em Holambra.

Ficamos absolutamente encantados com o Moinho.

A rua Dória Vasconcelos

A rua Dória Vasconcelos é especial.

Linda arquitetonicamente e florida é suave e contagia.

Sentamos na Confeitaria Martin Holandesa e saboreamos dois pratos matinais. 

O café Martin Holandesa

Era início do dia e o mesmo estava sem muitos doces que constavam do cardápio, pois, estavam sendo produzidos.

Os pratos degustados foram saborosos.

Veja fotos no link abaixo.

As lojas

Passeamos pelas lojas e fomos à uma loja perpendiculares à rua Dória de Vasconcelos.

O nome da rua Campo do Pouso e a loja A Orquídea.

A orquídea 

Uma loja com vários produtos.

Em vez de flores compramos taças de vinho com o preço muito bom.

A quantidade de flores que existe é simplesmente excepcional, você fica encantado.

O encantamento 

É total.

Holambra encanta e é encantada.

E a maior razão de ser dos seus encantamentos é a gastronomia e as flores.

Fotos

Filme

Anand Rao e Agnes Adusumilli

Editores do Cultura Alternativa