Ibirapuera, o Central Park em São Paulo

Ibirapuera o Central Park de São Paulo - Cultura Alternativa

Uma viagem em meio a cimentos, prédios e trânsitos

Imagine trânsito, prédios, várias saídas em vários locais arquitetônicos diversos, na maior cidade do Brasil.

Imagine preservação ambiental, museus, cafés, arte contemporânea a céu aberto, diversos estilos E sabores gastronômicos para serem apreciados por todos.

Imagine food trucks, pets dóceis, músicos, pessoas bonitas, nervosas e zens, tudo isso é o Ibirapuera.

História

O Parque Ibirapuera é um parque metropolitano e ícone na cidade de São Paulo.

O nome Ibirapuera significa “árvore apodrecida” em tupi-guarani e vem de uma aldeia indígena que ocupava a região do Parque quando a área era alagadiça com solo de várzea.

Na luta contra a umidade, Manuel Lopes de Oliveira, um funcionário da Prefeitura na década de 1920 começou a plantar árvores na região.

Hoje temos dentro do Parque um viveiro que leva seu nome, Viveiro Manequinho Lopes, local aberto à visitação pública e que abriga uma diversidade de plantas e orquídeas.

Gastronomia

Madureira

Sentamos no Madureira e saboreamos os pratos.

O peixe valeu a pena, mas, o bifão de frango não.

Prefira os sanduiches, pareceram deliciosos.

Lanchonete Sabor Ibira 1

Fica próximo a planetário.

Lanchonete Sabor Ibira 2

Próxima da pista de atletismo e cooper.

Restaurante do MAM

De terça a sexta das 12 às 18h.

Próximo ao portão 3 do parque.

Vista Restaurante

Na cobertura do Museu de Arte Contemporânea.

Aberto das 12 às 16 e das 18 às 22 h, exceto às segundas, domingos e feriados.

Café Bienal

No térreo do Prédio da Bienal – Pavilhão Ciccilo Matarazzo, com entrada pelo Portão 3 (avenida Pedro Álvares Cabral). A parte externa tem deck de madeira com mesinhas para saborear as opções do cardápio que tem sanduíches, salgados, sucos, saladas e cafés. O wifi no local é aberto e gratuito. Está aberto todos os dias das 7h às 19h.

Ibirapuera, o Central Park em São Paulo

Museus

MAC

Inauguração – 28 de Janeiro de 2012.

Investimento – 76 milhões.

Extensão – 30 mil metros quadrados

Obras – 10 mil obras. Entre as obras Picasso, Matisse, Kandinsky, Tarsila do Amaral, Volpi e outros.

MAM

Inauguração – 1968-69.

Obras – 4.000 obras de arte contemporânea brasileira (pinturas, esculturas, gravuras, fotografias, vídeos e instalações)

Artistas – Candido Portinari, Emiliano Di Cavalcanti, Tarsila do Amaral, Victor Brecheret, Regina Silveira, Nelson Lerner, José Damasceno entro outros.

Pavilhão das Culturas Brasileiras

Inauguração – !953.

Nomenclatura – Engenheiro Armando de Arruda Pereira (1970)

Nova Nomenclatura – Em 2006 se torna pavilhão.

Museu AfroBrasil

Inauguração – 2004 no Pavilhão Manoel da Nóbrega, edifício projetado por Oscar Niemeyer e inaugurado em Dezembro de 1953.

Extensão – 11 mil m2.

Obras – 6 mil obras entre pinturas, esculturas, gravuras, fotografias, documentos e peças etnológicas produzidas no século XVIII.

Fundação Bienal de São Paulo

O prédio da Bienal, Pavilhão Ciccillo Matarazzo é considerado um ícone cosmopolita da arquitetura moderna. É nele que acontece a Bienal de Artes de São Paulo, promovida pela Fundação Bienal de São Paulo que funciona e conserva o espaço.

Ibirapuera, o Central Park em São Paulo

Arquitetura

Clique nos PDFs abaixo e busque seusinteresses.

Mapa 1 – Principais pontos de interesse cultural e ambiental

Mapa 2 – Jardins históricos, avifauna e flora do parque

Mapa 3 – Perspectiva sobre o futuro do Ibirapuera

Fonte

Associações

Amigos do Parque do Ibirapuera.

Nossa Opinião

Amamos andar, curtir, vivenciar o Parque do Ibirapuera.

Nós que passamos 22 anos indo a Nova York e curtindo o Central Park sentimos magia no Ibirapuera.

Fizemos stories para nosso Instagram e nos encantamos por inteiro.

Valeu Brasil. Viva a Vida.

Anand Rao

Editor Geral do Cultura Alternativa