Prêmio São Paulo de Literatura 2020 – Conheça os finalistas

Prêmio São Paulo de Literatura 2019

Prêmio São Paulo de Literatura 2020


Conheça os finalistas do Prêmio São Paulo de Literatura 2020


O Prêmio São Paulo de Literatura revelou os finalistas de sua 13ª edição nesta terça-feira, 1º.

São 10 finalistas na categoria melhor romance de ficção e 10 na categoria melhor romance de ficção de autor estreante. Os dois vencedores ganham R$ 200 mil cada um.

Confira a lista completa dos finalistas:

Melhor romance de ficção de 2019

– Adriana Lisboa, Todos os santos (Companhia das Letras)

– Claudia Lage, O corpo interminável (Record)

– Javier Contreras, Crocodilo (Companhia das Letras)

– João Anzanello Carrascoza, Elegia do irmão (Companhia das Letras)

– Joca Reiners Terron, A morte e o meteoro (Todavia)

– Julián Fuks, A ocupação (Companhia das Letras)

– Maria Valéria Rezende, Carta à rainha louca (Companhia das Letras)

– Milton Hatoum, Pontos de fuga (Companhia das Letras)

– Patrícia Melo, Mulheres empilhadas (Casa dos Mundos)

– Paulo Scott, Marrom e amarelo (Companhia das Letras)

Melhor romance de ficção de estreia de 2019

– Carol Rodrigues, O melindre nos dentes da Besta (7Letras)

– Davi Boaventura, Mônica vai jantar (Dublinense)

– Felipe Holloway, O legado de nossa miséria (Record)

– Gabriela Aguerre, O quarto branco (Todavia)

– José Rezende Jr., A cidade inexistente (7 Letras)

– Lucila Losito Mantovani, Com o corpo inteiro (Pólen Livros)

– Marcelo Labes, Paraízo-Paraguay (Caiaponte)

– Miguel del Castillo, Cancún (Companhia das Letras)

– Natalia Borges Polesso, Controle (Companhia das Letras)

– Ricardo da Costa Aguiar, Das terras bárbaras (Alaúde)

Prêmio São Paulo de Literatura

O edital está disponível nos sites premiosaopaulodeliteratura.org.br e cultura.sp.gov.br.

Os candidatos podem inscrever suas obras até as 18h do dia 8 de outubro de 2020 na plataforma Prosas, nos links:

Proponente Pessoa Jurídica (Editoras)
Proponente Pessoa Física (Autores)

Os finalistas serão anunciados até a primeira quinzena de dezembro.

As obras devem ser do gênero romance de ficção, escritas originalmente em português e ter sua primeira edição e impressão no Brasil em 2020, além de possuir formato impresso da primeira edição com ISBN emitido em 2020.

Prêmio São Paulo de Literatura

Na categoria Melhor Livro do Ano, poderão se inscrever autores que já publicaram romances anteriormente.

Já na categoria Melhor Romance de Ficção de Estreia do Ano de 2020, os escritores podem ter obras publicadas em outros gêneros, desde que o livro inscrito seja o seu primeiro romance de ficção.

Na edição de 2019, a vencedora no gênero Melhor Livro do Ano, foi a escritora carioca Ana Paula Maia, com o romance Enterre seus Mortos, publicado pela Companhia das Letras. Ana Paula, venceu na categoria pelo segundo ano consecutivo.

Em 2018, levou o prêmio pelo romance Assim na Terra como Embaixo da Terra (Editora Record). (AAN)

Acompanhe as dicas de leitura no site do Cultura Alternativa