Reconhecimento de vacinas para viajantes deve ser uniformizado

Reconhecimento de vacinas para viajantes deve ser uniformizado, Brasileiros aguardam vacina para viajar - cultura alternativa

Reconhecimento de vacinas para viajantes deve ser uniformizado


As regras para receber ou não os viajantes são diferentes para cada país: alguns demandam uma quarentena de 14 dias, outros ainda não recebem turistas



Com grandes mudanças de comportamento e expectativas em relação às viagens, os viajantes estarão em busca de mais segurança, mais opções sustentáveis e destinos mais perto de casa, além de opções que combinem trabalho e viagens. Tudo isso fará com que as pessoas busquem mais valor nas viagens que farão no futuro.

Apelo é feito quando países reabrem para o turismo

Todas as vacinas da lista de emergência da Organização Mundial da Saúde (OMS) ou de outros reguladores de medicamentos devem ser consideradas para que um viajante possa ser reconhecido como totalmente imunizado, defendeu hoje (1º) a instituição.

Para a OMS, esse reconhecimento deve ocorrer mesmo em países onde algumas dessas vacinas ainda não foram aprovadas.

Em declaração conjunta com outras agências com as quais desenvolve o programa Covax, de distribuição das vacinas, a OMS pede a todos os governos regionais, nacionais e locais que reconheçam como totalmente vacinados aqueles que receberam vacinas consideradas seguras pela organização.

Vacinas

A lista de emergência aprovada pela OMS inclui as vacinas da Pfizer-BioNTech, Moderna, AstraZeneca, Janssen, Sinovac e Sinopharm, mas, por exemplo, as duas últimas, desenvolvidas na China e amplamente distribuídas em regiões em desenvolvimento, como África ou América Latina, não estão aprovadas pelos reguladores europeus ou norte-americanos.

O apelo é feito quando muitos países se abrem para a chegada de viajantes internacionais, devido à redução gradual de casos nos últimos dois meses, embora o surgimento da variante delta em algumas áreas tenha feito com que as infecções semanais voltassem a subir globalmente.

Reconhecimento de vacinas para viajantes

“Qualquer medida que apenas permita que pessoas protegidas por algumas vacinas aprovadas pela OMS se beneficiem da reabertura das viagens criará um sistema duplo, aumentando as divisões globais em torno dos imunizantes e exacerbando as desigualdades”, alerta a entidade.

Além disso, “terá impacto negativo no crescimento das economias que mais sofrem”, acrescenta, referindo-se aos países em desenvolvimento. A declaração também é assinada pela Fundação para Vacinas Gavi e o Fundo das Nações Unidas para a Infância. (Unicef), parceiros na Covax.

Fonte Agencia Brasil

🇪​🇳​🇨​🇴​🇳​🇹​🇷​🇪​ 🇺​🇲​ 🇩​🇪​🇸​🇹​🇮​🇳​🇴​ 🇫​🇦​🇳​🇹​á🇸​🇹​🇮​🇨​🇴​ 🇵​🇦​🇷​🇦​ 🇸​🇺​🇦​ 🇵​🇷​ó🇽​🇮​🇲​🇦​ 🇻​🇮​🇦​🇬​🇪​🇲​.

  • Roteiro pela Suíça
    Roteiro pela Suíça A Suíça é um destino turístico muito conhecido e adorado pelos visitantes […]
  • Dia Mundial do Turismo
    Turismo ganha fôlego e prevê crescimentoSetor foi impactado pela pandemia nos últimos meses, mas ganha esperança com aumento do ritmo de vacinação.
  • Turismo – Litoral Norte de São Paulo
    Litoral Norte de São Paulo, atrativos para aproveitar e conhecer nesta primavera. Confere no site do Cultura Alternativa as boas dicas.
  • Natal Luz: Gramado 2021
    Natal Luz de Gramado terá́ quatro atrações artísticas pagas que serão apresentadas entre 28 de outubro e 16 de janeiro.
  • Autorização de viagem: para menores pode ser feita on-line
    Autorização de viagem: para menores pode ser feita on-line. A Autorização está disponibilizada na plataforma e-Notariado.

One thought on “Reconhecimento de vacinas para viajantes deve ser uniformizado

  1. Pingback: Delivery do lar: serviços domésticos para pedir sem sair de casa

Comentários não permitidos.