E importante ter alguém na hora de partir

Partida

A partida é sempre algo muito marcante na vida de uma pessoa.

Seja para ir outra cidade, mudar de emprego, se separar e até mesmo em um dos momentos mais difíceis da vida: a morte.

Somos seres sociais e não nascemos para vivermos sozinhos, assim, ter alguém na hora da partida é sempre algo especial.

A partida pode trazer muitas sensações, entre elas dor, desprezo, aflição. Estar com alguém se torna imprescindível para esse momento.

Por que a partida dói?

A partida dói porque estamos acostumados com o nosso meio, com as pessoas, coisas e sensações daquele lugar, estamos acostumados até mesmo com os defeitos das pessoas e as lembranças tristes que podem trazer.

Estamos preparados para viver intensamente, amar intensamente, chorar intensamente, mas não estamos preparados para o desapego, não estamos preparados para determinados tipos de dor.

A separação, o buraco que pode ser aberto dentro de nossos corações sem fechar, tudo isso machuca demais.

A importância de ter alguém na hora de partir

Nada na vida dura para sempre, os momentos bons, ruins, e como já dizia um velho sábio “aproveite sua vida porque tudo passa”.

É exatamente assim: tudo passa, as fases boas e ruins nada é eterno e a partida é algo muito comum.

Ter alguém que nos entende, que sabe o momento que estamos passando, alguém que não nos julgue pela nossa vida, mas que nos acolha com amor é algo muito importante.

Precisamos sentir que temos apoio e que não estamos sozinhos nesse mundo, é preciso compartilhar as dores e alegrias, e partir sempre traz desconforto tanto para quem vai, quanto para quem fica.

A partida traz uma sensação de medo, de incerteza, afinal, não sabemos o que nos espera, e mesmo que de forma irracional, precisamos de alguém ao nosso lado que nos diga que vai dar tudo certo, que as coisas irão melhorar independentemente de qual for a situação.

A partida transforma a vida de quem fica em quem vai

A partida transforma quem fica e quem vai, ela transforma os nossos sonhos, nossa vida.

Transforma quem somos pois, somos constituídos de pessoas, de momentos e quando partimos deixamos tudo isso para trás.

Mesmo que saibamos que algo melhor nos espera, isso também vai doer, porque ao partir deixamos parte de nós.

Ter alguém nesse momento nos faz ter a certeza de que apesar de nascermos sozinhos, jamais estaremos sós.

Agnes Adusumilli – Cultura Alternativa

Apos ouvir o Mario Sergio Cortella que é um filósofo, escritor, educador, palestrante e professor universitário brasileiro no seu programa diário, escrevemos o texto. Aproveite e ouça também.